Prefeitura de Juquitiba | HINO OFICIAL
19969
page-template-default,page,page-id-19969,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-16.9,qode-theme-bridge,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.5,vc_responsive

HINO OFICIAL

HINO OFICIAL


A Lei nº 1.463, de 9 de março de 2007, institui o Hino Municipal de Juquitiba, porém, no dia 19 de julho de 2007, foi realizado o Concurso que estabelecia os seguintes critérios: letra com conteúdo que resgate a história do município, clareza na comunicação, de fácil memorização, promovendo os feitos e glórias da cidade, com boa prosódia e beleza na melodia.

 

O Hino escolhido foi o do Sr. Benedito Ferraz de Oliveira.

 

Mire, ó valente, o horizonte
Sinta o vento te embalar
Olhe em volta por detrás dos montes
E te pões depressa a recordar
Lembras da capelinha
Que aos pés da serra propiciava
Na parada velha da aldeinha
Refúgio certo ao tropeiro que passava.

 

ESTRIBILHO

 

Y-CU-TIBA sertaneja
Tens mistérios imersos nos mananciais
Juquitiba benfazeja
Sua beleza é cantada em madrigais.

 

Erigida em berço verdejante
Mil histórias tem pra contar
De escravos, índios e migrantes
Que outrora vinham repousar
Hoje a capelinha
É o centro histórico tombado
Onde se conserva o legado
De brava gente que não cansa de louvar.

 

ESTRIBILHO

 

Y-CU-TIBA sertaneja
Tens mistérios imersos nos mananciais
Juquitiba benfazeja
Sua beleza é cantada em madrigais.

 

O presente voa como o vento
Carregando grande emoção
Deixa para trás o seu lamento
De perder o trem da evolução
O amanhã aponta
Pleno de esperança e euforia
Que no peito arfante principia
A confiança no progresso que desponta.

 

ESTRIBILHO

 

Y-CU-TIBA sertaneja
Tens mistérios imersos nos mananciais
Juquitiba benfazeja
Sua beleza é cantada em madrigais.